Quanto custa sua hora de desenvolvimento?
25/01/2012 20:36
0
Boa tarde, comunidade.

Estou meio por fora dos últimos tópicos (como espectador, claro) porque meu serviço está beeeem paulera e não está sobrando tempo para desenvolvimento, que levo como hobby

Eu sei que existe uma certa "resistência" em se comprar projetos baseado em Groovy quando comparado a Java, o que acaba desvalorizando o valor comercial da aplicação por uma espécie de pre-conceito antes mesmo de sair do papel.

Mas, deixando de enrolar... sei que aqui tem desenvolvedores de diferentes níveis e gostaria de saber quanto, em média, custa sua hora de trabalho em um projeto baseado em Grails.

Tenho certeza que falar sem analisar um montão de coisas é difícil... (se não impossível)

MAs apenas para ter uma noção
Tags: hora desenvolvimento, valor, salario


2
Olá, Rafael.

Só para ressaltar, é triste ler essas coisas em relação ao Groovy e Grails. Realmente existe um certo preconceito em relação à linguagem Groovy... Mas este, creio eu, é um preconceito imbecil e não deveria existir. E, geralmente, vem de pessoas que realmente não conhecem o ganho de produtividade que um projeto Grails pode proporcionar. Antigamente, o Groovy em suas versões anteriores comprovou-se um pouco lento em relação ao Java para atividades que exigiam uma performance excelente. Mas a linguagem vem melhorando a cada versão e provou ser muito mais fácil para se trabalhar com certas coisas, como leitura e escrita de XML, por exemplo, do que o Java.
Além do mais, o Grails é um projeto baseado no Spring Framework. Dito isso, é um absurdo que ainda sofra tanto preconceito, inclusive, pela própria comunidade Java!

Outra coisa curiosa é que o Grails é um framework que deveria ser encarado como qualquer outro. Logicamente, ele se destaca por ser full stack. Mas nada mais é do que um framework para alavancar a produtividade de projetos Java. Assim como o Hibernate, JSF, Struts (eca!) e tantos outros. E Groovy, é apenas uma linguagem que roda na JVM, assim como tantas outras! Ter um projeto baseado em Groovy & Grails significa que você também vai lidar com classes Java nativas!

Ou seja: projeto Grails = projeto JAVA. Com o diferencial de ser muito mais produtivo. Com base nisso, pegue o valor que você cobraria por um projeto Java e adicione a possibilidade de entregar o projeto na metade do tempo!

No blog do Kico você encontra vários textos onde ele fala justamente sobre esse tipo de preconceito e uma infinidade de outras coisas bacanas:
http://www.itexto.net/devkico


Abraços.
26/01/2012 22:19



Ainda não faz parte da comunidade???

Para se registrar, clique aqui.


Aprenda Groovy e Grails com a Formação itexto!

Newsletter Semana Groovy

Assinar

Envie seu link!


Livro de Grails


/dev/All

Os melhores blogs de TI (e em português) em um único lugar!

 
Creative Commons
RSS Grails Brasil é mantido por itexto Consultoria.
Em caso de problemas contacte Henrique Lobo Weissmann (Kico) por e-mail: kico@itexto.com.br
Todo o conteúdo presente neste site adota o Creative Commons como licença padrão.
Ver: 4.14.0
itexto