Atualização é recomendada em ultimo caso
30/05/2011 00:00
1
Como infelizmente o versionamento do Grails não separa releases de bugfix e releases de novas funcionalidades, toda alteração é passível de bugs de regressão e adaptação.

Ao não ser que você possua um sistema relativamente pequeno, onde seja possível um completo teste de regressão manual ou caso você possua testes automatizados com alto nível de cobertura, esta atualização só deverá ser feita em último caso.

Os problemas vão desde mudanças, novos bugs até problemas de incompatibilidade de plugins. Por exemplo, o Acegi hoje é o Spring Security Core Plugin e a migração é possível mas não é trivial. É alta a chance de uma migração trazer mais problemas a curto prazo do que solução.

Portanto, eu acredito que uma migração só deverá ocorrer quando:
- Existe um entrave/bug na versão atual que prejudica o uso do sistema, mas fora corrigido em uma nova versão.
- Existe alguma rotina de longa duração que demora muito tempo, e a atualização para uma nova versão do Grails/Groovy resolveria o problema.
- Mais algum?

Portanto, sempre pense no valor agregado desta migração para o cliente/usuário (não somente para você). Para conseguir manter sua aplicação atualizada, o primeiro passe é manter uma boa cobertura de testes automatizados para que toda migração possa ser realizada e devidamente testada.

Espero ter ajudado!
Tags: Tópicos avançados


0
Que maravilha encontrar este post no Grails Brasil.

Sabe: na minha opinião, a probabilidade de se topar com algum problema grave em uma atualização do Grails é diretamente proporcional à quantidade de plugins que você colocou em sua aplicação.

Me lembro que há algum tempo atrás li um artigo sobre a migração do BaseCamp da primeira versão do Ruby on Rails para a última (acho que era da 0.alguma coisa para a 2). O upgrade, segundo o DHH foi ultra tranquilo justamente por ter evitado o uso de plugins.

Com isto não quero dizer que plugins sejam algo ruim, muito pelo contrário, só que, assim como tudo na vida, quando usado em excesso pode trazer muito mais problemas que soluções.


0
Eu queria saber qual a versão mais indicada para quem vai iniciar um projeto agora!?

Abraços e ótimo post!
05/07/2011 03:08


0
Oi Tiago. A melhor versão é a última sempre.
Não recomendo de maneira alguma as primeiras 1.0 e 1.1, porque tinham bugs demais. A coisa começou a ter um nível de qualidade aceitável MESMO só a partir da versão 1.2

A 1.3 está excelente. O Grails Brasil é feito na 1.3.7.



Ainda não faz parte da comunidade???

Para se registrar, clique aqui.


Aprenda Groovy e Grails com a Formação itexto!

Newsletter Semana Groovy

Assinar

Envie seu link!


Livro de Grails


/dev/All

Os melhores blogs de TI (e em português) em um único lugar!

 
Creative Commons
RSS Grails Brasil é mantido por itexto Consultoria.
Em caso de problemas contacte Henrique Lobo Weissmann (Kico) por e-mail: kico@itexto.com.br
Todo o conteúdo presente neste site adota o Creative Commons como licença padrão.
Ver: 4.14.0
itexto