Groovy/Grails porque tão pouco popular?
25/05/2010 00:00
0
Não sei se é impressão minha mas, se comparado ao Ruby e ao Rails, o Groovy e o Grails são pouco populares na
comunidade. Sabendo que Java é de fato uma das plataformas mais utilizadas hoje é de se estranhar por que o Grails
não deslanchou como framework e o Groovy como linguagem, como tem acontecido com o rails. Mesmo o JRuby,
que pessoalmente não me chamou atenção, não parece se popularizar.

Será que os desenvolvedores Java pararam no tempo, ou se se cansaram da plataforma?
Tags: Off-Topic


0
resposta em uma palavra: hype

Groovy teve uma época que começou a se tornar MUITO popular. A Sun inclusive começou a investir nele.
Mas ai apareceu o Ruby on Rails com um ar mais "cool" e, como consequencia, Groovy foi "esquecido" pela Sun naquele momento.

Mas acho que a "impopularidade" é mais aqui no Brasil mesmo. Fora daqui a dupla tem se mostrado cada vez mais popular. Basta ver o tanto que tem crescido conferências como a Gr8Conf por exemplo.


0
Acho que a comunidade Grails ainda é muito incipiente no Brasil, simplesmente o material em Português é bastantes escasso, e não há nenhuma movimentação, pelo que eu pude perceber, para mudar isso. O Python/Django e o Ruby/Rails, ao contrário, tem uma comunidade forte e ativa.

Por isso, na minha humilde opinião, o Groovy/Grails não é tão popular como deveria no nosso Brasil.
25/05/2010 00:00


0
Alysson,

discordo de você com relação a não haver movimentação alguma no país para melhorar isto (até onde sei sou algo, e aqui há mais alguns como eu: <!-- m --><a class="postlink" href="http://blogs.grailsbrasil.com.br">http://blogs.grailsbrasil.com.br</a><!-- m --> ).

O que percebo é o seguinte: o que torna Grails lindo atrapalha a sua comunidade (ou não <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) --> ).

Como é uma ferramenta mais fácil de se aprender devido à sua própria elegância, já observei que muita gente entra pra comunidade, participa, envia um monte de dúvidas e, a partir do momento que passa a &quot;dominar&quot; o framework, simplesmente o toma por banal e desaparece da comunidade: para de enviar suas dúvidas e, ainda pior, para de ajudar os que estão aprendendo.

Outro grupo bastante interessante é aquele que acha que Grails é mamão com açucar 100% adocicado e que vai fazer todo o trabalho sozinho, apanha pra kcte por não estudar práticamente nada além de tutoriais na web, consequentemente se decepcionam com o framework e desaparecem (na minha opinião, tem mais de sumir mesmo).

E, acredite: isto não é só aqui no Brasil. Lá fora é exatamente a mesma coisa. A diferença é que a quantidade de pessoas que falam inglês é infinitamente maior do que as que falam português. Como consequência, nos fórums internacionais sempre aparece alguém novo, proveniente de algum outro país pra trocar idéias e, com isto, cria-se a impressão de que &quot;Grails é muito mais popular lá fora do que aqui&quot;.

Curiosamente, no formato fórum, como Grails Brasil, nosso país está na frente. Se você for comparar com os fórums presentes em outros idiomas, em número de usuários e posts, estamos em muitos casos ordens de magnitude na frente.


0
Aliás, na minha opinião quando se afirma &quot;não se faz muito no [escolha o local do qual você faz parte] para mudar a situação&quot; automáticamente deveria vir a pergunta: &quot;E eu? O que EU faço para melhorar a situação?&quot; <!-- s;) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_wink.gif" alt=";)" title="Wink" /><!-- s;) -->

Eu passei exatamente por isto quando comecei a aprender Grails. E ai surgiu o Grails Brasil.


0
Daqui da minha região há poucas pessoas que conhecem o grails, e muito menos pessoas que realmente tem o conhecimento de todo o framework, mas se você perguntar sobre RoR ou PHP, todos conhecem, agora seguindo a idéia do kicolobo :[quote=&quot;kicolobo&quot;]...&quot;E eu? O que EU faço para melhorar a situação?&quot; ...[/quote] eu darei uma aula disponibilizada pelo meu professor para apresentar o framework para uma turma que ja possuem um bom conhecimento em desenvolvimento WEB, assim como poderia (e gostaria) de dar palestras em &quot;Semanas Academicas&quot; das faculdades seguindo o exemplo do LucasTex.

Outro item que poderia ser feito, seria um livro em português explicando os detalhes da arquitetura, tags, plugins, gorm, etc... (estilo o 'Grails: Quick start guide' porém mais detalhado ) Um livro criado pelo própria comunidade, pode ser daqui do grailsbrasil mesmo, e disponibilizado como um e-book, e neste e-book todos que são da comunidade poderiam ajudar, seria um ótimo projeto aqui para a comunidade.
26/05/2010 00:00


0
[quote=&quot;lucasDie&quot;]Daqui da minha região há poucas pessoas que conhecem o grails, e muito menos pessoas que realmente tem o conhecimento de todo o framework, mas se você perguntar sobre RoR ou PHP, todos conhecem, agora seguindo a idéia do kicolobo :[quote=&quot;kicolobo&quot;]...&quot;E eu? O que EU faço para melhorar a situação?&quot; ...[/quote] eu darei uma aula disponibilizada pelo meu professor para apresentar o framework para uma turma que ja possuem um bom conhecimento em desenvolvimento WEB, assim como poderia (e gostaria) de dar palestras em &quot;Semanas Academicas&quot; das faculdades seguindo o exemplo do LucasTex.

Outro item que poderia ser feito, seria um livro em português explicando os detalhes da arquitetura, tags, plugins, gorm, etc... (estilo o 'Grails: Quick start guide' porém mais detalhado ) Um livro criado pelo própria comunidade, pode ser daqui do grailsbrasil mesmo, e disponibilizado como um e-book, e neste e-book todos que são da comunidade poderiam ajudar, seria um ótimo projeto aqui para a comunidade.[/quote]

Eu já comecei a fazer isto, e inclusive sempre peço por comentários. Da uma olhada neste link: <!-- m --><a class="postlink" href="http://guiagrails.itexto.com.br">http://guiagrails.itexto.com.br</a><!-- m -->

Aliás, eu tentei fazer isto no Grails Brasil algum tempo atrás quando criei o wiki. O problema é que ninguém participava dele.
Mas tá ai. Vou ver se retorno com ele o mais rápido possível!


0
[quote=&quot;kicolobo&quot;]
Eu já comecei a fazer isto, e inclusive sempre peço por comentários. Da uma olhada neste link: <!-- m --><a class="postlink" href="http://guiagrails.itexto.com.br">http://guiagrails.itexto.com.br</a><!-- m -->

Aliás, eu tentei fazer isto no Grails Brasil algum tempo atrás quando criei o wiki. O problema é que ninguém participava dele.
Mas tá ai. Vou ver se retorno com ele o mais rápido possível![/quote]

Opa, ja tinha visto isso só que não lembrava, ótima iniciativa, se você precisar de ajuda posso ajudar sem problemas, acho interessante também disponibilizar este conteudo em forma de e-book, caso alguém queira ter no pc.
26/05/2010 00:00


0
Kicolobo,

E momento nenhum quis critica-lo, muito pelo contrário já que você é um dos poucos que faz algo de diferente. Minha crítica, espero que seja construtiva, foi para a comunidade Grails em geral: há poucos livres abertos, pouco tutorial para iniciantes, isso na minha visão. Até encontra-se algo, eu mesmo estou achando, aos poucos, mas quando comparamos com outras linguagens/frameworks mais populares, vemos que estamos muito atrás.

[quote=&quot;kicolobo&quot;]Aliás, na minha opinião quando se afirma &quot;não se faz muito no [escolha o local do qual você faz parte] para mudar a situação&quot; automáticamente deveria vir a pergunta: &quot;E eu? O que EU faço para melhorar a situação?&quot; <!-- s;) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_wink.gif" alt=";)" title="Wink" /><!-- s;) -->

Eu passei exatamente por isto quando comecei a aprender Grails. E ai surgiu o Grails Brasil.[/quote]

Pois é eu já havia pensado nisso, e minha idéia era achar algum texto bom para iniciantes e traduzi-lo para o português, algo que me ajudasse e depois poderia ser útil aos outros. Ainda estou pesquisando o Grails, portanto posso ajudar pouquíssimo ainda.

Mas vou olhar o livro que você está escrevendo, quem sabe não posso começar a contribuir.
26/05/2010 00:00


0
O tópico tomou o rumo que eu queria. <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) -->

A idéia de divulgar mais o framework em nossas faculdades e empresas é muito válida. Inclusive estou tentando evangelizar alguns por aqui e planejando um pequena palestra sobre o framework para o pessoal da faculdade.

Essa questão de popularidade do Groovy e do Grails pra mim é basicamente falta de divulgação. Ambos oferecem vantagens enormes para o desenvolvedor Java/Hibernate/<coloque-seu-framework-mvc-aqui>. O simples fato de serem Java e a total compatibilidade com nossas aplicações já prontas é um diferencial que coloca o Groovy e o Grails em vantagem a outras linguagens/frameworks do mercado.

O Groovy e o Grails provêem uma evolução suave, natural e trasparente das aplicações Java de legado. Precisamos mostrar isso, porque todos os desenvolvedores Java que mostrei a plataforma se impressionaram neste este aspecto.
26/05/2010 00:00


0
Eu estou estudando e tentando criar uma oportunidade de apresentar o framework na minha empresa, que por sinal é uma empresa pública.

Inicialmente tentarei vender o framework para projetos de pequeno porte, uma vez que o direcionamento gerencial é tudo em java e grails é em &quot;java&quot;(Dá pra jogar no websphere).
26/05/2010 00:00


0
Lembrem-se de que Grails não é aplicável a todos os casos. O que é normal, porque vocês conhecem o ditado russo né? &quot;Dêem a uma criança um martelo e o mundo inteiro se tornará um prego&quot;. <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) -->

E é muito comum quando nos empolgamos com determinada tecnologia tentar aplicá-la ao máximo de situações possíveis. Aliás, eu já estou a algum tempo com um post semi pronto pra publicar no meu blog sobre os casos nos quais Grails não se aplica (aguardem!) <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) -->


0
[quote=&quot;kicolobo&quot;]Lembrem-se de que Grails não é aplicável a todos os casos. O que é normal, porque vocês conhecem o ditado russo né? &quot;Dêem a uma criança um martelo e o mundo inteiro se tornará um prego&quot;. <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) -->[/quote]

Sim, não é aplicável a todos, mas numa parcela grande o suficiente pra dar um monte de martelada por ai. <!-- s:) --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_smile.gif" alt=":)" title="Smile" /><!-- s:) -->

Aliás, algum grande projeto o utiliza hoje?
26/05/2010 00:00


0
Uhn,

A falta de material em portugues nao deveria ser a grande causa da inpopularizacao do grails no Brasil. Eu gostaria muito de ajudar a escrever mais sobre grails, mas ainda sou muito novata.

Eu concordo com o que o Kiko (viu, nao chamei de senhor) disse a alguns posts: Muita gente acha tao mamao com acucar, nao estuda e acaba abandonando. E outros aprendem muito e enjoam e somem. O primeiro grupo precisa ser, uhn, eles precisam cair a ficha ou realmente cair fora. O segundo... bem, que pena, fazer o que...

Acho que sao esses dois grupos que inpopularizam o Grails no Brasil.

Mas pelo que eu pouco pude ver fora do Brasil Grails e Groovy sao ate' que populares.

O problema e', eu acho, os brasileiros, que estao acostumados a procurar o que esta' na moda, o que esta' com milhares de pilhas de material em portugues e que realmente seja facil.

O que podemos fazer seria continuar a escrever um pouco em portugues (nao que o meu seja muita coisa) e continuar a usar essas tecnologias mostrando que elas podem e muito.
26/05/2010 00:00


0
O legal na comunidade open source é que ajudar um projeto é MUITO fácil.
Você pode:

* Tirar dúvida dos novatos em fórums como o Grails Brasil - isto cria uma base de pesquisa pra quem tá com dúvidas semelhantes e, na prática, equivale a um &quot;cookbook&quot;
* Postar qualquer bobagem sobre Grails no seu fórum. Descobriu como resolver aquele probleminha? Posta no fórum e publica aqui um link pro seu post ou divulga pelo twitter. Além de ajudar os demais, também acaba conseguindo alguma auto publicidade bem bacana.
* Não promover o FUD. Chegar e postar algo como &quot;ah, este Grails (ou qualquer tecnologia) não passa das 5 da tarde&quot; não ajuda em nada.
* Publicar notícias no fórum. É uai: às vezes apenas você percebeu a notícia até aquele momento. Não custa nada ajudar.
* Expor o que você anda produzindo com a ferramenta
* Simplesmente usar. Não precisa contar pra ninguém. Mas só de já estar usando o bichinho, já está fortalecendo a base de usuários.
* Se manter atualizado. Sempre que puder, use a última versão. Isto ajuda a reduzir o peso do legado e ainda incentiva a equipe que desenvolve o projeto a continuar com o seu trabalho. Ausência de upgrades por parte dos usuários MATA um projeto. Exemplo? Delphi: tanta gente ficou só na versão 7 que a Borland acabou desistindo do produto.
* Se encontrar bugs, divulgá-los o mais rápido possível (principalmente para a equipe de desenvolvimento) ao invés de simplesmente chamar o produto de lixo (e este comportamento infelizmente é muito comum...)

Tem também os modos mais &quot;caros&quot;.
* Ajudar na manutenção do código fonte do projeto
* Criar alguma nova funcionalidade por conta própria e disponibilizar para os interessados ou, quem sabe, desenvolver algo proprietário mesmo baseado na tecnologia. Mesmo que não seja gratuito, só de divulgar a existência e no que foi feito já ajuda bastante.

E devo confessar: ao usar software livre, nós como desenvolvedores temos uma dívida com os que o produzem. Sendo assim, com tantas opções, nunca ter feito NADA pra ajudar é, bem: digamos: folga né?

Além disto, você tem uma divida consigo mesmo também. Se você produz algo baseado na tecnologia X, e não faz nada pra ajudar, você a está matando sem sequer se dar conta disto. Consequência? Seu trabalho vai ser baseado em um projeto que afundou.
Exemplo? Prevayler. Bárbaro quando foi lançado. Houve pouco incentivo da comunidade, porém na época uma GALERA usava. O que aconteceu? Último update em 2004. <!-- s:( --><img src="{SMILIES_PATH}/icon_sad.gif" alt=":(" title="Sad" /><!-- s:( -->



Ainda não faz parte da comunidade???

Para se registrar, clique aqui.


Aprenda Groovy e Grails com a Formação itexto!

Newsletter Semana Groovy

Assinar

Envie seu link!


Livro de Grails


/dev/All

Os melhores blogs de TI (e em português) em um único lugar!

 
Creative Commons
RSS Grails Brasil é mantido por itexto Consultoria.
Em caso de problemas contacte Henrique Lobo Weissmann (Kico) por e-mail: kico@itexto.com.br
Todo o conteúdo presente neste site adota o Creative Commons como licença padrão.
Ver: 4.14.0
itexto